segunda-feira, 16 de setembro de 2013

A BLUEBERRY e a cesta de frutas

Imagine uma cesta de frutas com laranja, melancia, abacate, melão, pêra, mamão, manga, abacaxi e outras frutas tropicais. De repente, em um recipiente outro fruto, lá no alto: Blueberry. Sim! Blueberry!  Lá. Sozinha. Irresistível. Você olha a cesta de frutas, você pode comer qualquer fruta que está a sua frente, estão fáceis de serem degustadas, mas lá, longe, ela, a blueberry.
O desejo com a cesta existe, claro! Quem não curte uma banana, uma maçã, uma frutinha? Entretanto, o encantamento se estabelece com aquela fruta distante, inacessível a priori.
Podemos ter todas, mas queremos algo em especial. Funcionamos assim. Quem ou o que é a sua blueberry?

P.S. Não é auto-ajuda. É somente uma analogia. ;-)

3 comentários:

Akemi Iketsu disse...

Imaginemos que essa cesta foi de aniversário e minha blueberry pra esse novo ano em minha vida, se resume em um poema de Fernando Pessoa:
"Enquanto não atravessarmos
a dor de nossa própria solidão,
continuaremos a nos buscar em outras metades.
Para viver a dois, antes, é
necessário ser um."
Busco essa blueberry nessa cesta de frutas que é minha vida :D
Beijos Vanessa S2

Vinnie disse...

Essa é uma boa questão... frisando sempre na NOSSA blueberry. Um erro comum é achar que desejamos a blueberry pelo que ela é, quando, na verdade, a queremos pelo que nós mesmos fazemos dela.

O desejo é sempre seu, se tentar tornar seu o desejo do outro.... angústia na certa

Sô Arbex disse...

Kkkk gostei do "não é auto ajuda"

Amo Blueberry.... e a minha é minha família... amo!!!!

bjs